O prefeito de Manaus, Arthur Neto (PSDB), segue firma na disposição de disputar pelo menos as prévias do partido para escolher o candidato a presidente da República em 2018. E não poupa ninguém.

Em artigo publicado no Blog do Noblat, em O Globo, nesta segunda, dia 2, Arthur critica o etnocentrismo paulista de João Dória e Geraldo Alckmin, que ignoram o Brasil e se colocam como “legítimos” detentores do direito de disputar a eleição presidencial pelo partido.

Para o prefeito amazonense, os chefes do Executivo paulista estão numa “disputa inglória, tangenciam os problemas reais e se perdem em levezas”.

Arthur reafirma que disputará as prévias tucanas porque é preciso falar a linguagem do Brasil, de olhar pelas regiões periféricas do país.

Ao oficializar sua intenção à direção do partido, Arthur disse que “a luta só começa. Quem elege mesmo é o povo”.

Leia o artigo completo no Blog do Noblat.

 

Foto: BNC