Rapidinhas


 

Assista ao vídeo de denúncia contra desembargador Romano

A entrevista que a advogado Luciana Pires deu ao apresentador Ronaldo Tiradentes, neste quarta-feira, dia 21, denunciando que o desembargador aposentado Rafael de Araújo Romano molestava sua filha de 15 anos de idade, desde que quando ela tinha 7 anos, viralizou nas redes sociais no início desta noite.

Trata-se de um trecho da conversa gravada que Tiradentes publicará na íntegra amanhã, a partir das 7h30, no programa Manhã de Notícias, na 89,7 FM.

Desembargador do AM abusava da neta desde os 7 anos, denuncia mãe

Repórter toma banho em buraco de rua da cidade de Iranduba

Um dos vídeos postados nas redes sociais para denunciar a situação das ruas da cidade de Iranduba, município na região metropolitana de Manaus, viralizou na internet na noite desta terça, dia 20, pelo ato de um repórter.

A gravação mostra o repórter Wanderley Modesto tomando banho em um dos muitos buracos que predominam nas ruas de Iranduba, e brincando de barquinho.

O vídeo é só mais um entre dezenas que moradores da cidade passaram a publicar para mostrar o caos no sistema viário do lugar que tem como gestor um prefeito que adota o nome de Chico Doido (DEM).

 

Barco Chico Doido 

Detalhe do vídeo é que o morador que coloca o barquinho ao lado do repórter diz que o nome do barco, que não consegue se manter em pé, é chamado de Chico Doido, no que Modesto completa: “O nome do prefeito”.

 

REPÓRTER VANDERLEI MODESTO TOMA BANHO NOS BURACOS DE IRANDUBAEu como Vereador me sinto envergonhado da situação que se encontra nosso Município. Cobramos uma solução da gestão pública municipal e não há qualquer movimentação nesse sentido. Há uma Inércia total. Eu como Vereador continuarei cobrando e apontando soluções em prol do povo de Iranduba.#VereadorDrGeorgeReis #RespeitoPorIranduba #VereadorAtuante #VereadorDoPovão #VamosQueVamos #IrandubaMereceRespeito

Posted by Vereador Dr.George Reis on Tuesday, February 20, 2018

Foto: Reprodução/vídeo

STF manda soltar todas as presas grávidas ou mães de crianças

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu, nesta terça-feira (20), conceder prisão domiciliar para mulheres gestantes ou mães de filhos com até 12 anos que estão na cadeia sem condenação, em prisão provisória. As informações são do G1. A decisão beneficia ao menos 4,5 mil detentas, cerca de 10% da população carcerária feminina, segundo levantamento parcial realizado pelo Instituto Brasileiro de Ciências Criminais (IBCCRIM), Instituto Terra Trabalho e Cidadania (ITTC) e a Pastoral Carcerária Nacional. Cada tribunal terá 60 dias após a publicação da decisão do STF para implementar a medida, que valerá também para mães de filhos com deficiência.

Leia mais no G1

 

Foto: Carlos Moura/SCO/STF

Defesa de Lula faz última apelação ao TRF-4 sem mudar sentença

A defesa do ex-presidente da República Lula da Silva (PT) entrou nesta terça-feira, dia 20, com recurso contra a decisão do Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF-4) no processo do tríplex do Guarujá (SP).

O recurso neste caso, é de embargos de declaração, que não permite reverter a sentença, já que o parecer dos três desembargadores foi unânime.

A decisão do julgamento de 24 de janeiro, em Porto Alegre, foi por manter a condenação da primeira instância e aumentar a pena de Lula para 12 anos e 1 mês. Esgotadas as possibilidades de recurso no TRF-4, Lula pode ser preso.

Leia mais no G1.

 

Foto: Divulgação

“Se deixarem o Lula ser candidato, eu voto nele”, diz deputado do PR

O deputado estadual Sabá Reis, do PR, partido que em abril de 2016 ficou marcado como traidor dos governos petistas, declarou voto em Lula da Silva (PT) nas eleições deste ano.

“Se deixarem o Lula ser candidato, o meu voto é Lula. Se deixarem o Lula ser candidato, o meu voto é dele [repetiu]. Eu já disse isso pro Alfredo [Nascimento]. Não escondo”, disse o parlamentar, acrescentando que o ex-presidente, hoje, é vítima de sua origem.

O PR era o partido que o PT contava, no dia 17 de abril de 2016, para ajudar a salvar a ex-presidente Dilma Rousseff do processo de cassação.

A responsabilidade por isso era do deputado federal Alfredo, ex-presidente nacional do PR e ex-ministro dos Transportes, que renunciou à direção do partido para romper com o governo e votar contra o PT.

 

38 anos do PT

O discurso de Sabá foi nesta terça, dia 20, na sessão solene em homenagem aos 38 anos do PT no Amazonas, realizada na Assembleia Legislativa do Estado (ALE-AM).

 

Foto: BNC

Decisão de Alckmin de lançar Dória candidato ao governo agita tucanos

Com o anúncio que fez ontem, dia 19, de que apoiaria João Dória ao Governo de São Paulo, e não o seu atual vice, Márcio França (PSB), Geraldo Alckmin só fez colocar mais lenha na fogueira do agitado PSDB.

Logo em seguida à declaração, em entrevista a uma rádio de São Paulo, Alckmin tratou de mandar bombeiros para apagar o fogo e dizer que sua fala não significava apoio a Dória.

Essa definição do PSDB de ter candidato próprio pode ter descartado o apoio do PSB a Alckmin na eleição à Presidência da República.

O modo como o governador paulista e presidente do partido tucano conduz as coisas pode acabar corroborando o que disse o prefeito de Manaus, Arthur Neto, sobre ele:

“Alckmin vai ser o coveiro do PSDB”.

 

Leia mais

Arthur critica FHC e diz que Alckmin vai jogar a “pá de cal” no PSDB

Prefeito Arthur Neto fará PCdoB de Vanessa aplaudi-lo

O prefeito de Manaus, Arthur Neto (PSDB), prepara uma homenagem que mexe com o sentimento dos integrantes do PCdoB no Amazonas, partido da senadora Vanessa Grazziotin e principal crítico da gestão tucana.

Arthur batizará uma UBS fluvial (unidade de saúde), a ser inaugurada em breve, com o nome de Antônio Levino, médico e ex-presidente regional comunista que morreu aos 55 anos de idade, em abril do ano passado.

Levino era uma pessoa muito querida no meio comunista e conversou com o prefeito pouco antes de sua morte, segundo Arthur revelou ontem ao BNC.

 

Leia mais

Comunismo no Amazonas chora perda do comandante Antônio Levino

Foto: Reprodução/Facebook

 

David a um passo de trocar de partido: “Só mais uma reunião”

Presidente da Assembleia Legislativa (ALE-AM) e pré-candidato ao Governo do Amazonas, David Almeida (PSD) afirmou que está a um passo de definir o partido que vai abrigá-lo nas eleições deste ano.

“Só mais uma reunião e fechamos”, disse ao ser questionado pelo BNC se já havia definido sua nova casa.

David, que bateu de frente com o cacique de seu partido, o senador Omar Aziz, ao ser impedido de disputar a eleição tampão de 2017, e negou apoio ao candidato do grupo a que pertencia, Amazonino Mendes (PDT), usa a janela de troca partidária para trocar de legenda.

Essa troca sai após o dia 7 de março, afirmou. David circulou e conversou com siglas e políticos com ideologias bem diferentes, como Vanessa Grazziotin e Eron Bezerra, caciques do PCdoB no Amazonas, e o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL-RJ).

De todas as siglas, interlocutores de David dizem que o que mais avançou foram as reuniões com o PSB do deputado estadual Serafim Corrêa. À imprensa nacional, o presidente Carlos Siqueira já trata David como pré-candidato ao Governo do Amazonas pelo partido. Na foto, David posa com membros do PSB em Brasília.

 

Leia mais

Sobre candidatura, David jura que vai respeitar acordo com Rebecca

PSB conta com David governador para palanque de Barbosa

Foto: Divulgação/PSB

A intervenção no RJ e a ameaça ao Luz para Todos no Amazonas

A intervenção federal na segurança pública do estado do Rio de Janeiro já ameaça causar efeitos para políticos e populações que moram a mais de 3 mil quilômetros da crise por causa do programa Luz para Todos.

Isso porque, por causa da intervenção, o governo Michel Temer (MDB) desistiu de colocar em votação a reforma da previdência e desengavetou, como plano B, a privatização da Eletrobrás.

A venda da estatal é um assunto que a bancada da Amazônia, além de servidores das empresas, vê com preocupação, principalmente a do Amazonas, porque pode significar o fim do Luz para Todos.

Deputados e senadores não identificam nos termos da privatização sinais de continuidade do programa, muito menos a manutenção da rede elétrica que atravessa florestas, rios e extensas faixas de várzeas e chega às mais isoladas aldeias indígenas da região.

 

Foto: Reprodução/Internet

 

Conselhos confirmam intervenção federal no estado do Rio

A maioria dos integrantes dos conselhos da República e de Defesa Nacional, reunidos, nesta segunda-feira (19), no Palácio do Planalto, aprovou a intervenção federal na segurança pública do Rio de Janeiro, informou o ministro da Defesa, Raul Jungmann. Apenas os líderes da oposição na Câmara e no Senado, que integram o Conselho da República, se abstiveram de votar. Apesar de os conselhos não terem poder de veto, o presidente Michel Temer decidiu convocá-los para consultar a posição dos integrantes dos dois órgãos. A reunião teve a participação de ministros, parlamentares, militares e integrantes da sociedade civil.

Fonte: Agência Brasil

 

Foto: Marcos Corrêa/EBC