Falando sobre a Zona Franca de Manaus (ZFM) e a sua cartilha da transparência aos vereadores em Itacoatiara, o deputado Serafim Corrêa (PSB) disse que os municípios não têm atrativos para a indústria.

Deu o município de Rio Preto da Eva como exemplo. Mesmo detendo 38% do território da ZFM, com a possibilidade de conceder isenção de impostos assim como na capital, a cidade a 80 quilômetros de Manaus pela rodovia AM-10 não atraiu nenhuma indústria até hoje.

Segundo o parlamentar, tudo se concentra em Manaus por esta ter as condições mínimas para abrigar as empresas, como energia, internet, infraestrutura.

Dizendo-se contra a expansão da ZFM para além dos limites atuais, Serafim disse que a presença do modelo em municípios como Itacoatiara, que tem porto no rio Amazonas em condições de importar e exportar, pode ser mais incentivada. O município fica a 260 quilômetros da capital via terrestre.

 

Foto: Divulgação