O governador Amazonino Mendes (PDT) mandou um recado para os prefeitos dos 61 municípios do Amazonas para que se habilitem a participar do programa Internet para todos, do governo federal, lançado nesta quinta, dia 7, em Manaus, pelo ministro da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, Gilberto Kassab.

É o Governo do Estado que vai coordenar o programa e Amazonino prometeu apoiar todos os municípios, independentemente da posição política do prefeito.

“Se uma prefeitura disser que não tem condições de colocar uma antena, é comigo mesmo, faço na hora. Essa é nossa modesta contribuição a essa magnífica inciativa do governo brasileiro”, disse o governador.

Amazonino também pensa com esse programa ampliar em três vezes mais o alcance da internet pelo Centro de Mídias do governo, que hoje chega a 40 mil alunos no interior.

Outra ideia para uso da “internet para todos” e na área de saúde. Segundo o governador, o programa vai reduzir a distância dos municípios para a capital.

Segundo Kassab, o acesso à internet do programa já começa no próximo mês e deve chegar a 40 mil escolas, hospitais e postos de saúde de 500 municípios em todo o país.

A contrapartida da prefeitura para ter a internet é instalar uma antena, arcar com os custos de segurança dos equipamentos e de energia elétrica e dar isenção do Imposto sobre Serviços de Qualquer Natureza (ISS) para a operação do programa.

A conexão será feita por meio do Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas (SGDC), lançado ao espaço em maio deste ano, e pelo programa Governo Eletrônico – Serviço de Atendimento ao Cidadão (Gesac).

 

Foto: BNC