O prefeito de Amaturá, Joaquim Corado (PMDB), disse que o ex-prefeito João Braga fez sete licitações suspeitas no segundo semestre de 2016 para gastar mais de R$ 6,8 milhões.

Corado disse que esse valor representa 30% do orçamento do município, de R$ 22,7 milhões.

As licitações foram para compras consideradas absurdas e bizarras pelo novo prefeito, como a de 190 pneus, 30 câmeras de ar e 20 baterias. Detalhe: a prefeitura tem apenas seis veículos, mas só quatro rodando.

Segundo Corado, essas licitações foram denunciadas ao Tribunal de Contas do Estado (TCE-AM). “Vamos fazer uma completa auditoria e apresentar ao povo, que precisa saber como foi gasto o dinheiro público”, disse.

 

Foto: Divulgação