Por José Ricardo*

 

Os jornais do país noticiaram que a população do Brasil chegou a 207 milhões de habitantes e que no Amazonas chegamos a 4.063.614 de habitantes. Somos o 13 em população no Brasil.

Os dados do IBGE servem de indicadores, principalmente para os repasses de recursos federais para os estados e municípios.

Com relação à capital, Manaus continua na posição de sétima maior cidade do Brasil, com 2.130.000 habitantes. Marca de cidade grande, ou seja, é uma metrópole. No entanto, é uma cidade que precisa de uma gestão moderna, verdadeira e participativa e isso ainda não vimos na nossa cidade.

O que existe é um grande atraso, pois falta investimentos em infraestrutura, no sistema viário, na mobilidade urbana, no saneamento básico e muitos outros. Portanto, temos um grande desafio de cuidarmos melhor da cidade e da população.

Já o Amazonas é um estado grande, não só porque é o maior estado em termos geográficos, mas também porque tem uma população significativa e que merece uma melhor atenção no que diz respeito a investimentos e a seus direitos.

Por isso, temos que cobrar dos governos federal e do Amazonas a atenção devida ao estado para poder atender as necessidades do povo amazonense, não só da capital, mas também para o interior, especialmente àqueles que vivem em localidades isoladas e distantes da presença do poder público.

 

*O autor é deputado estadual do PT-AM